Terça, 11 de Maio de 2021 13:25
43 99124-9171
Geral PARANÁ

Secretário visita municípios e reforça campanha de vacinação de domingo a domingo

Neste sábado (10), mais de 60 municípios adotaram a estratégia de acelerar a aplicação das doses. Vacinação continua avançando no Paraná.

10/04/2021 18h50 Atualizada há 1 mês
Por: Redação Fonte: Secom Paraná
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A campanha de vacinação contra a Covid-19 de domingo a domingo continua estimulando a campanha de imunização nos municípios do Estado. Neste sábado (10), mais de 60 adotaram a estratégia de acelerar a aplicação das doses já recebidas e rapidamente imunizar um maior contingente de paranaenses.

De forma a dar força à campanha, o secretário estadual de Saúde, Beto Preto, visitou municípios no Interior para reforçar que a solução para a pandemia é a vacina. Ele esteve nos municípios de Jandaia do Sul, São Pedro do Ivaí, Cianorte e Sarandi, entre o Vale do Ivaí e a região Noroeste, acompanhando a vacinação. No domingo (11), a previsão é visitar Cornélio Procópio, Jacarezinho, Cambé e Sertaneja, no Norte.

Segundo ele, a ideia da campanha é que os municípios não estoquem as vacinas já recebidas, ampliando o número de paranaenses que já receberam tanto a primeira como a segunda dose do imunizante. A vacinação no final de semana estimula essa aplicação.

“Nossos vacinadores têm décadas de experiência e temos disponíveis 1.850 salas de vacinação em todo o Paraná. Se tivermos vacina para todos, conseguiremos vacinar de 150 a 200 mil pessoas por dia. Essa é nossa meta”, enfatizou o secretário na visita a São Pedro do Ivaí. 

Segundo a Secretaria da Saúde, mais de 60 municípios aderiram à campanha de vacinação neste final de semana em diversas Regionais de Saúde. Entre os exemplos estiveram Almirante Tamandaré, Alto Paraíso, Altônia, Boa Esperança do Iguaçu, Cambé, Campo Largo, Cianorte, Colombo, Cornélio Procópio, Francisco Beltrão, Ibiporã, Icaraíma, Imbaú, Jacarezinho, Jandaia do Sul, Londrina, Mariluz, Ortigueira, Palotina, Planalto, Quatro Barras, Realeza, Santo Antônio do Sudoeste, São José dos Pinhais, São Mateus do Sul, São Pedro do Ivaí, Sarandi, Tapira, Terra Roxa, Tibagi, Toledo, Tuneiras do Oeste, União da Vitória e Ventania.

O Estado está aplicandomais de 633 mil dosesnessa nova etapa da vacinação, tanto da D1 como da D2. Beto Preto lembrou que é justamente o encerramento do ciclo (duas doses) que vai fazer com que o sistema de saúde fique menos pressionado em relação a leitos para o tratamento da doença. “Os municípios devem estar atentos para não perder as datas”, reforçou o secretário.

STATUS DA VACINAÇÃO– Segundo oVacinômetro, plataforma de dados sobre a vacinação no Paraná atualizada em tempo real, 92,9% das primeiras doses e 39% das doses de reforço distribuídas no Paraná já haviam sido aplicadas pelos municípios até a noite deste sábado (10). No total, foram 2.495.350 doses de vacinas recebidas do Ministério da Saúde desde o início da campanha.

Atualmente, o foco da vacinação no Estado está na aplicação da primeira dose em pessoas de 65 a 69 anos e profissionais de segurança pública. Já a segunda dose está sendo aplicada em profissionais da saúde e idosos com mais de 70 anos. 

A dose de reforço deve respeitar um intervalo de tempo recomendado pelos fabricantes das vacinas: doze semanas para AstraZeneca/Oxford/Fiocruz e 21 dias para a Coronavac. 

NOVAS REMESSAS– Beto Preto também endossou que o Paraná não tem medido esforços para garantir, junto ao Ministério da Saúde, mais doses e equipamentos para o enfrentamento à pandemia no Estado. “O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, nos garantiu um total de 30 milhões de doses até o final de abril para todo o Brasil. Se a previsão se concretizar, são 1,5 milhão de doses distribuídas para todo o Paraná”, estimou.

Ele reforçou, nas visitas aos municípios, o momento delicado da pandemia no Estado e a necessidade de manter a vigilância nas medidas de proteção. "Temos um alto número de paranaenses contaminados todos os dias. Por isso, insisto que os municípios continuem estimulando os cuidados básicos contra a doença. Usar máscaras e lavar as mãos são cuidados fundamentais”, arrematou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Santo Antônio da Platina - PR
Atualizado às 13h23 - Fonte: Climatempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 14° Máx. 30°

27° Sensação
10.9 km/h Vento
35.3% Umidade do ar
90% (15mm) Chance de chuva
Amanhã (12/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 24°

Sol com muitas nuvens e chuva
Quinta (13/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 22°

Sol com muitas nuvens