Supermercado Real POP UP 2
Lettech 970x90
LUIZINHO AR CONDICIONADO 970X90
PARANÁ

Ações de segurança reduzem roubos e furtos no 1º semestre

Foram 5,6 mil roubos a menos registrados na comparação dos semestres, uma média de queda de 31 roubos por dia no Estado

08/08/2019 19h41
Por: Redação
Fonte: Da Agência Estadual
Dentre os dados, o que se destaca é a redução dos crimes de roubo em 18% no período - AEN
Dentre os dados, o que se destaca é a redução dos crimes de roubo em 18% no período - AEN

O Relatório Estatístico Criminal da Secretaria de Estado da Segurança Pública aponta uma redução na criminalidade em todo o Paraná durante o primeiro semestre de 2019, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Foram 5,6 mil roubos a menos registrados na comparação dos semestres, uma média de queda de 31 roubos por dia no Estado. Em relação a furtos, houve redução de 10,2 mil ocorrências, ou seja, em média 56 casos a menos por dia.

Para o secretário estadual da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, os números mostram o resultado do trabalho proposto pela atual gestão. “A criminalidade em todo o Paraná reduziu de acordo com as orientações do governador Carlos Massa Ratinho Júnior, que colocou a segurança como uma das prioridades de sua gestão. Nestes seis primeiros meses de 2019, aumentamos as operações policiais e o patrulhamento nas ruas, que resultaram na diminuição nos indicadores criminais”, afirmou.

Dentre os dados, o que se destaca é a redução dos crimes de roubo em 18% no período. Essa tendência pode ser vista em outras naturezas do crime, tais como roubo a veículos (27,4%), roubo em ambientes públicos (14,7%) roubo a residências (26,3%) e roubo a comércios (25,3%).

O delegado-geral da Polícia Civil, Silvio Jacob Rockembach, enfatizou que a solução de crimes tem contribuido efetivamente para a redução do número de furtos e roubos. “O aumento da efetividade, a eficiência das investigações que vêm sendo conduzidas pela Polícia Civil, é um dos fatores que tem contribuído diretamente para a redução dos números de furtos e roubos no Estado do Paraná”, disse. Segundo ele, existem estudos que comprovam que há uma relação direta de quanto maior o índice de solução de crimes, menor a taxa de uma ou outra incidência criminal específica. “Se um marginal tem a certeza que o crime vai ser descoberto, e ele efetivamente vai ser preso por ter praticado aquele crime, vai pensar duas vezes antes de cometer novamente um determinado tipo de delito”, afirmou.

Os furtos também diminuíram nos seis primeiros meses deste ano (11,6%). Além disso, o Paraná também reduziu o número de furtos a veículos (11%), furtos a residências (10,5%), furto em ambientes públicos (9,2%) e os furtos a comércios (3,4%).

“As novas estratégias de policiamento, as novas operações, mas, principalmente, a interlocução regional através de Conselhos de Segurança, dos Comandos de Batalhões junto à sua comunidade e muitas vezes numa pequena comunidade é um elemento importante na redução de crimes de furto e roubo. Quando tiramos de circulação um só delinquente estamos contribuindo para a segurança da população e fazendo com os números reduzam”, disse o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Péricles de Matos. “Isso ainda tem mais resultados em cidades pequenas, onde, muitas vezes, um único marginal é responsável por diversos crimes”, acrescentou.

CURITIBA - A capital do Estado acompanhou a tendência de queda nos crimes contra o patrimônio e registrou redução nos números de roubo (20,6%), roubo de veículos (32,7%), roubo a comércio (31,2%) e roubo a residência (39,8%).

Em números absolutos, a Capital teve 2.726 roubos a menos no primeiro semestre deste ano em comparação com o seis primeiros meses do ano anterior, o que gera uma média de 15 ocorrências a menos por dia.

A queda também pode ser vista na 2ª Área Integrada de Segurança Pública de São José dos Pinhais, que engloba os 22 municípios da Região Metropolitana de Curitiba. O número de roubos diminuiu em 18%, roubo a veículos em 28%, roubo a residência em 25% e roubo a comércio em 22%.

ÁREAS INTEGRADAS - Entre as regiões que mais se destacam na redução da criminalidade está a 20ª Área Integrada de Segurança Pública (AISP) de Londrina, correspondente a cinco municípios da região, a qual reduziu os crimes de roubo em 23%. Dentro desta categoria, na mesma região, estão os crimes de roubos a veículos (32,5%), roubos a residência (48%) e roubo a comércio (40,3%).Outra região que também se destacou é a 15ª Área Integrada de Segurança Pública de Umuarama, que abrange 30 municípios, e mostra diminuição no roubo a residência 58,7% e furto a residência 27%. Furto e roubo a veículos também registraram uma queda expressiva durante o período nesta região: furto a veículo (30%) e roubo a veículo (44%). Já para furto e roubo a comércio a queda, em porcentagem, foi 26% para ambos os crimes.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Santo Antônio da Platina - PR
Atualizado às 14h30
25°
Poucas nuvens Máxima: 26° - Mínima: 11°
25°

Sensação

17.2 km/h

Vento

36.3%

Umidade

Fonte: Climatempo
JE LEILÕES ANDIRÁ
Foto Valdir
Ademir Imóveis 300x600
Cinema Caffe 300x600
Lettech 300x250
CINEMA CAFFE 300x250
JE LEILÕES ANDIRÁ
Rodoviário Afonso 300x250
RM AR CONDICIONADO
CDS 300x250
Foto Valdir
PIPELINE PISCINAS
SICOOB
Últimas notícias
LUIZINHO AR CONDICIONADO 300X250
SCHMIDT MOTOS 300x250
Mais lidas
Supermercado Real 300x250 nas notícias
NEFERSON 300x250 NOTÍCIAS
Óptica Visão
CENTRO AUTOMOTIVO BEIRA RIO 300x250 INTERNA
AUTOAR REVISORA 300x250