Lettech 970x90
LUIZINHO AR CONDICIONADO 970X90
JUSTIÇA

Decretada indisponibilidade dos bens do ex-prefeito de Wenceslau

Taidinho tem novo problema em virtude de feira cultural realizada durante seu mandato

11/09/2019 20h01Atualizado há 6 meses
Por: Redação
Fonte: Tribuna do Vale
Ex-prefeito de Wenceslau Braz, Atahyde Ferreira dos Santos - Foto: Antônio de Picolli
Ex-prefeito de Wenceslau Braz, Atahyde Ferreira dos Santos - Foto: Antônio de Picolli

O ex-prefeito de Wenceslau Braz, Atahyde Ferreira dos Santos, o Taidinho, teve a indisponibilidade de bens decretada pela justiça da comarca local por supostas irregularidades na realização de um evento de cunho cultural no ano de 2009, que custou R$ 100 mil aos cofres do município na época.

A justiça aponta erros na contratação e no pagamento da empresa JCR Eventos Artísticos, que também teve a mesma pena. A empresa foi a responsável pela realização do evento lª Feira Cultural de Integração entre os Povos, realizada de 26 a 29 de novembro de 2009.

Com os juros e correção monetária, o valor atual da ação é de mais de R$ 229 mil. Taidinho ainda responde a outros processos judiciais por supostas irregularidades ocorridas durante sua gestão como prefeito de Wenceslau Braz. Ele respondeu pelo Executivo onde foi eleito gestor em 2009 a 2012 e de 2013 a 2016.

Os casos mais graves referem-se à contração irregular de funcionários, que recebiam remuneração com emissão de recibos, dando origem à definição de “recibados”, o que levou o promotor de justiça da comarca Joel Beffa a oferecer denúncia ao Poder Judiciário.

Outro lado

O ex-prefeito Taidinho, em entrevista por telefone, disse que ainda não foi notificado da decisão da justiça de Wenceslau Braz, mas antecipou que irá recorrer da decisão ao Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR). Ele diz que o caso ocorreu em 2009, quando o Município recebeu uma verba de cerca de R$ 100 mil do Ministério do Turismo para a realização de um evento cultural. No total a festa, segundo o ex-prefeito, custou mais de R$ 200 mil.

Taidinho conta que o Ministério não aceitou a prestação de contas da Prefeitura e, diante do impasse, a Câmara de Vereadores aprovou a devolução parcelada dos recursos federais para que o município não ficasse sem certidão negativa, o que inviabilizaria a formalização de convênios e recebimento de verbas do Estado e da União.

O Ministério Público Estadual (MPE) ingressou com uma ação civil pública, resultando na condenação do prefeito a devolver os valores e, para garantir o ressarcimento aos cofres municipais, determinou a indisponibilidade de bens até o valor de R$ 229 mil.

Santo Antônio da Platina - PR
Atualizado às 17h05
28°
Poucas nuvens Máxima: 28° - Mínima: 19°
29°

Sensação

19 km/h

Vento

59.6%

Umidade

Fonte: Climatempo
Foto Valdir
Cinema Caffe 300x600
Ademir Imóveis 300x600
TOCA LANCHES
WhatsApp Tá no Site Notícias
Lettech 300x250
CINEMA CAFFE 300x250
RM AR CONDICIONADO
Rodoviário Afonso 300x250
KANOA TROPICAL HOTEL
PIPELINE PISCINAS
SICOOB
Foto Valdir
CDS 300x250
WhatsApp Tá no Site
Últimas notícias
SCHMIDT MOTOS 300x250
LUIZINHO AR CONDICIONADO 300X250
Mais lidas
Supermercado Real 300x250 nas notícias
Óptica Visão
NEFERSON 300x250 NOTÍCIAS
CENTRO AUTOMOTIVO BEIRA RIO 300x250 INTERNA
AUTOAR REVISORA 300x250