Segunda, 10 de Agosto de 2020
43 99124-9171
Dólar comercial R$ 5,46 0.966%
Euro R$ 6,42 +0.083%
Peso Argentino R$ 0,08 +0.267%
Bitcoin R$ 68.843,82 +2.689%
Bovespa 103.444,48 pontos +0.65%
Economia ECONOMIA

Auxílio Emergencial representa aumento de 24% na renda dos trabalhadores, diz estudo

Avanço na renda chega a 50% entre os trabalhadores informais que receberam o benefício, de acordo com o levantamento da Fundação Getúlio Vargas.

30/07/2020 10h50
Por: Redação Fonte: Por G1
Divulgação
Divulgação

Auxílio Emergencial representa um aumento de 24% na renda mensal dos trabalhadores que receberam o benefício, de acordo com um estudo divulgado pela Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quinta-feira (30).

Os dados do levantamento indicam, portanto, que o Auxílio Emergencial conseguiu compensar a perda de renda provocada pela pandemia de coronavírus. Sem o programa de ajuda, o recuo seria de 18%.

"O recebimento do AE (Auxílio Emergencial) mais do que compensou a perda com pandemia para virtualmente todos os tipos de trabalho da pesquisa. Na média para todos os tipos de trabalho, a renda com o AE é aproximadamente 24% maior do que a renda usual pré-pandemia, evidenciando que o AE tem compensado as perdas de renda do trabalho no agregado", escreveram os pesquisadores Lauro Gonzalez e Bruno Barreira.

As profissões que mais tiveram aumento na renda com o Auxílio Emergencial são:

  • Auxiliar de agropecuária (71%);
  • Empregado doméstico e diarista (61%);
  • Agricultor e criador de animais (59%);
  • Faxineiro e auxiliar de limpeza (52%);
  • Porteiro e zelador (45%).

 

No recorte por estados, os maiores ganhos foram colhidos pelos trabalhadores de Alagoas (132%), Sergipe (126%), Maranhão (124%), Bahia (119%), Amazonas e Pará (116%).

No momento em que o estudo foi elaborado, 64 milhões de pessoas estavam recebendo o Auxílio Emergencial.

Informais mais beneficiados

Entre os trabalhadores informais, o ganho de renda com o Auxílio Emergencial é maior e chega a 50%, subindo de uma média de R$1.344 para R$2.016.

Os informais seriam mais prejudicados se não existisse um programa de ajuda. Sem o Auxílio Emergencial, a renda deles teria recuado 19%, enquanto a dos formais teria diminuído em 8%.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Santo Antônio da Platina - PR
Atualizado às 17h30 - Fonte: Climatempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 13° Máx. 29°

27° Sensação
9.6 km/h Vento
27.3% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (11/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 30°

Sol com algumas nuvens
Quarta (12/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 31°

Sol com algumas nuvens